» » Pessoas de 27 acima foram recebidas nos 10 postos de vacinação contra a Covid em Camaçari

Histórias como a da confeiteira Ana Maria Bento dos Santos, 34 anos, moradora do bairro do Natal (Bomba), passam diariamente pelos postos de vacinação contra a Covid em Camaçari. Ela que se intitula como ‘órfã da Covid’, neste domingo (15/8), compareceu ao Drive-thru no Espaço Camaçari 2000 e pôde receber a primeira dose contra a doença, que no dia 2 de fevereiro de 2021 tirou o seu pai, Francisco Barbosa dos Santos, da convivência familiar.

“O que penso é que todo mundo que acha que não é sério, que não leva a sério, que se posicione e venha tomar a vacina, porque eu sou uma órfã da Covid, eu perdi meu pai e tive muitos amigos que perderam mãe” desabafou Ana Maria ao contar, “ontem fui fazer o teste da Covid porque meu esposo pegou, e a moça que me atendeu, ela perdeu o esposo, entendeu? As pessoas às vezes não se colocam no lugar do outro, que a gente é órfão da Covid, tem viúvo da Covid, enquanto eu vejo pessoas que descredibilizam a doença, porque não teve próximo de si. Mas pense naquele filho que está sem o pai, eu tive o aniversário do meu pai, eu tive Dia dos Pais, e todas elas são datas que vão me marcar pra sempre”, disse ao citar trecho que um diálogo com um colega que falou, que em 2030 ele vai lembrar que passou pela Covid, e ela disse que “em 2030 eu vou lembrar que perdi meu pai”.
Questionada sobre o que diria para as pessoas que ainda escolhem a vacina para tomar, a confeiteira  expressou, “eu acho que se meu pai estivesse aqui, agora, ele não teria essa opção de escolher, né? Ele não teve a oportunidade de escolher, se ele tivesse tido ele taria aqui e qualquer uma ele iria tomar, então, é pensar no próximo, naquele que não teve o direito de escolha, ou que não existe direito de escolha, tem que tomar e pronto”, finalizou.

Assim como ela, muitos celebraram o retorno da vacina neste domingo, assim como o avanço para novas faixas etárias da vacina, que pôde ocorrer graças a chegada de novo lote de imunizantes. Pedro Ian, 28 anos, morador do Inocoop, foi um dos jovens que também compareceram ao Espaço Camaçari 2000. O encarregado de manutenção falou sobre o sentimento que o tomou no momento de receber a ‘dose da esperança’, como a população carinhosamente se refere ao ato de receber a dose da vacina. “Satisfação de estar tomando a primeira dose e pelo avanço para as idades em que tem uma população maior”, pontuou ao expressar também o desejo, “e que tudo isso acabe logo”, manifestou ao complementar que estava ansioso pela chegada desse dia.
Com 27 anos, Samira Oliveira Santos, moradora da Gleba B, contou sobre o que representa para ela tomar a vacina. “É um sentimento único diante dessa situação que a gente está passando, em que milhares de pessoas estão perdendo seus familiares, então esse avanço que estamos dando, de dias melhores é muito importante e eu espero que todos que tenham a oportunidade venham, porque é algo muito importante pra sociedade, pra gente poder avançar e sair dessa logo. Esse é um dia de muita emoção”, disse a jovem recepcionista. A administradora, Elaine Maria da Silva 30 anos, moradora do Burissatuba, compartilha do mesmo sentimento, “É uma emoção muito grande, esperei muito. Estou aqui já tremendo. Que venha para todos”, finalizou.
Neste domingo, a vacinação está dedicada a aplicação apenas da primeira dose (D1), a segunda dose (D2) se manteve suspensa e as pessoas que estão com ela atrasada ou aprazada para este domingo poderão ser vacinadas na segunda-feira (16/8). Para ser imunizado, o cidadão precisa apresentar documento de identificação com foto, Cartão SUS municipal ou comprovante de residência.

Até sábado (14/8) já foram vacinadas com a primeira dose (D1) 117.257 pessoas. Um percentual de pouco mais de 53,48% da população-alvo que é de 219.251 pessoas acima de 18 anos. E com a segunda dose (D2) ou dose única foram vacinadas 59.762 pessoas. Um percentual de 27,25% do público a ser imunizado.


Confira os locais da vacinação para a primeira dose neste domingo:

Sede - 9h às 16h (Atendimento conforme a disponibilidade de vacina)
Drive-thru Espaço Camaçari 2000
Centro de Vacinação Contra a Covid ( atrás do antigo Bompreço)
Unidade de Saúde da Família  (USF) do Nova Aliança
USF Piaçaveira
Unidade Básica de Saúde (UBS) da Gleba E

Costa - 9h às 16h (Atendimento conforme a disponibilidade de vacina)
UBS Vilas de Abrantes
USF Fonte das Águas (Arembepe)
USF Barra do Jacuípe
UBS Monte Gordo
USF Barra do Pojuca

Foto: Tiago Pacheco

--
Agência de Notícias
Coordenadoria de Jornalismo e Imprensa
Diretoria de Comunicação - Prefeitura de Camaçari

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga