» »Unlabelled » Central do Empreendedor de Arembepe será entregue nesta sexta-feira (06)

Com o objetivo de desburocratizar e facilitar a vida de quem empreende ou deseja abrir seu próprio negócio, a Prefeitura de Camaçari conta com a Central do Empreendedor. E a unidade já alcança nos primeiros seis meses de atuação uma série de conquistas e avanços no segmento, e agora é a vez do projeto ampliar com a extensão do equipamento para a Costa da cidade. Inédito na Bahia, Camaçari será a única cidade do Estado a possuir duas centrais, um na Casa do Trabalho, e a segunda será inaugurada nesta sexta-feira (6/12), às 15h, em Arembepe. O espaço fica localizado no Centro Empresarial Arembepe, logo na entrada da localidade.
O equipamento é fruto da parceria da Prefeitura Municipal, através da Secretaria do Desenvolvimento Econômico (Sedec), com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), e conta com a integração das Secretarias da Fazenda (Sefaz), do Desenvolvimento Urbano (Sedur), e da Saúde (Sesau), para liberação de alvarás de baixo risco no mesmo dia. Além da rapidez no atendimento, o microempreendedor pode obter uma série de vantagens na Central, como emitir nota fiscal, ter direito aos benefícios do INSS, descontos na compra de veículos e equipamentos, acesso a microcrédito diferenciado, bem como a planos de saúde.
180 dias da Central do Empreendedor na Sede
Inaugurado no dia 06 de junho de 2019, a Central do Empreendedor da sede de Camaçari já alcançou números expressivos, que a consagra como modelo de sucesso na Bahia. O que antes o empresário gastava em média 100 dias para conseguir a liberação do alvará, hoje, em apenas 01 dia, consegue formalizar o seu negócio. Já para os Microempreendedores Individuais (MEIs), a média de prazo do alvará caiu de 44 dias para apenas 03 horas.
Com o crescente índice de aberturas de empresas de baixo risco, a cidade passa a ter um ganho estimado de 125 empregos por mês, o que acelera uma base de R$160 mil reais mensal na economia local, reduzindo assim, na taxa de evasão de negócios em quase 50%.
Somente no primeiro semestre de vigência da Central do Empreendedor na sede, mais de 3 mil cidadãos foram atendidos presencialmente, o que cumulou na inserção de mais de 800 microempreendedores individuais formalizados na economia local. “Conseguimos números significativos nesses 180 dias da central, o que evidenciou a necessidade de ampliar o modelo de trabalho do equipamento para a Costa de Camaçari, facilitando o acesso de quem reside e comercializa no entorno das praias e zona rural do município”, frisou Waldy Freitas, gestor da Central do Empreendedor e secretário do Desenvolvimento Econômico.
Foto: Ascom/PMC

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply