» » » Bolsonaro indica a aliados que pode demorar para escolher novo ministro da Saúde, diz coluna

Presidente poderá deixar o general Eduardo Pazuello à frente da pasta até o fim da pandemia.
Foto : Carolina Antunes/PR
O presidente Jair Bolsonaro disse a aliados neste final de semana que quer escolher o futuro ministro da Saúde sem pressa. Por isso, assessores do presidente avaliam que o general Eduardo Pazuello, que assumiu a pasta interinamente após o pedido de demissão de Nelson Teich, deverá ficar como ministro por pelo menos mais uma semana. A informação é da coluna Painel, da Folha.
Bolsonaro dá indícios de que, enquanto não tiver segurança na escolha, pode deixar Pazuello no comando até o fim da pandemia. Para ele, isso seria menos traumático do que ter de promover mais uma troca na chefia do ministério.
Ainda segundo a coluna, outros nomes foram levados ao crivo de Bolsonaro nos últimos dias, a exemplo do pediatra e toxicologista Anthony Wong e o virologista Paolo Zanotto, professores da USP. Ambos são apoiados pelo núcleo ligado ao clã Bolsonaro e já deram declarações favoráveis ao uso da cloroquina em casos leves de coronavírus.

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga