» » Último envolvido na execução do Cabo Gonzaga morto na ação de Saramandaia

Foto:SSPBA
Emerson dos Santos, o ‘Leno’, último envolvido no crime brutal do cabo da Polícia Militar Gustavo Gonzaga da Silva, está entre os mortos da operação realizada pela Polícia Civil nesta terça-feira (23/06), no bairro de Saramandaia, em Salvador. Além dele, outros dois bandidos morreram.
Conforme a fonte do Informe Baiano, o criminoso integrava a facção Comando da Paz (CP), que tem sua principal base na localidade do Boqueirão, no Complexo do Nordeste de Amaralina. O homem possuía mandado de prisão em aberto justamente pelo homicídio do militar, que foi executado em 9 de junho de 2018, no bairro de Santa Cruz.
Gonzaga passava no final de linha em seu veículo quando foi cercado e obrigado a sair do carro. O trabalhador foi morto com requintes de crueldade, tendo a língua, orelhas e mão direita decepados, os olhos e mandíbula arrancados, além de receber vários tiros na cabeça.

Cabo Gonzaga deixou esposa e duas filhas

Além de ‘Leno’, participaram diretamente da execução, ‘Keka’ (falecido em outubro de 2018) e ‘Chokito’ (preso na Lemos de Brito). Eles agiram a mando de ‘Elias Pinto’, que também já está morto. Tiveram participação indireta no crime os marginais ‘Marão’ e ‘Friza’, ambos mortos em confronto no distrito de Jauá, em Camaçari.
Balanço da ação em Saramandaia
Três bandidos foram mortos e um foi baleado na operação que ainda deixou um policial e morador feridos. Foram apreendidos duas espingardas calibre 12, uma pistola Glock adaptada para disparar rajadas, munições de diversos calibres, coletes antibalísticos, além de 100 trouxas de maconha e uma balança de precisão. Os criminosos são do Nordeste de Amaralina e pretendiam ‘tomar’ as ‘bocas de fumo’ de Saramandaia. As investigações seguem com o objetivo de identificar e prender outros envolvidos.

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga