» » » Vereadores acompanham prestação de contas do 1º quadrimestre de 2020 da Secretaria da Educação

Realizada nesta terça-feira (16), através de videoconferência, a Audiência Pública da Secretaria de Educação (Seduc) de Camaçari prestou contas do trabalho realizado nos quatro primeiros meses do ano. A atividade foi presidida pela Comissão de Educação e Assistência Social da Câmara e os dados foram apresentados pela gestora da pasta, Neurilene Martins, e pelo diretor financeiro da Seduc, Francisco Lima.
Francisco informou que o município  liquidou, entre janeiro e abril deste ano, cerca de R$ 100 milhões, dos quase R$ 323 milhões do orçamento destinado à educação para 2020. “A previsão da receita orçamentária deste ano para a educação superou a do ano passado em cerca de R$ 35 milhões, equivalente a 12% a mais”, disse.
Entre as ações de destaque para este ano, a inclusão das creches comunitárias na volta às aulas e 100% das unidades escolares com parque tecnológico (equipamentos).
Devido a pandemia do novo Coronavírus, grande parte da Audiência foi pautada no assunto. A secretária esclareceu como a Seduc teve que se readequar e adaptar a metodologia de ensino da Rede Pública Municipal, e como se deu todo o processo de readequação e adaptação dos educadores, pais e alunos.
A gestora da pasta informou que a Seduc reformulou o Programa “Mais e Melhor Educação” para “Mais e Melhor Educação: Em Casa”. Devido ao distanciamento social, os estudantes da Rede Municipal realizaram atividades remotas, com orientação dos educadores e assistência dos familiares.
“Foi um quadrimestre inusitado. Com tantos anos de estudo e experiência na educação, nunca vivi uma situação com tamanha complexidade como a que estamos passando neste momento. Por isso, tivemos que buscar alternativas e nos reinventar para continuar dando assistência aos nossos alunos, mesmo no distanciamento social”, disse.
O vereador Marcelino (PT) indagou à secretária como o município está se preparando para o retorno dos alunos pós pandemia. “Vamos seguir todo o protocolo de segurança para a volta às aulas. Esse procedimento envolverá outras secretarias também. Precisaremos construir uma agenda municipal para organizar o retorno dos nossos alunos, levando em conta a estrutura das unidades escolares, e ocupação por turno e sala de aula”, respondeu.
A Audiência foi aberta à participação popular através de um número de WhatsApp disponibilizado pela Câmara. Santos, morador de Coqueiro de Arembepe, quis saber quando os estudantes irão retornar à sala de aula. Em resposta, a secretária disse que vai seguir a orientação da Secretaria de Saúde e da Vigilância Sanitária, a fim de não colocar em risco a vida da população. “Estamos construindo possíveis cenários de retorno, adotando protocolo de segurança, com equipamento de proteção e higienização das dependências escolares”, informou a secretária, sem especificar a data do retorno.

Fotos: Heriks Trabuco
Diretoria de Comunicação
Câmara Municipal Camaçari
 www.cmcamacari.ba.gov.br

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga