» » Preso suspeito de integrar quadrilha de ciganos (Coorpin/Guanambi)

Foto: Divulgação SSP
A segunda fase da Operação Martinelli localizou um homem que enviou fotos de armas para autores de assassinatos de dois irmãos.
Após a prisão de pai e três filhos que possuíam mandados de prisões preventivas por participarem dos assassinatos de dois irmãos, no início deste ano, na cidade de Carinhanha, a 22ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Guanambi) realizou, nesta terça-feira (28), a segunda fase da Operação Martinelli. Um homem acabou preso por suspeita de ligação com os ciganos que realizaram as mortes.

Após a prisão da família, começamos investigar outros possíveis envolvidos e encontramos fotos de armas, no celular desse indivíduoChegando na residência, ele nos recebeu com um revólver calibre 38 em punho, mas rapidamente se rendeu ao perceber que estava cercado”, contou o delegado titular da Delegacia Territorial de Carinhanha, Paulo Henrique de Oliveira.

Acrescentou que o homem foi autuado por posse ilegal de arma de fogo e associação criminosa. “Seguimos com as investigações”, completou o delegado.

Fonte: Ascom/ Natália Verena

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga