» » Casal morre dentro de carro atingido por 75 disparos de fuzil em Mato Grosso do Sul

Veículo possuía cerca de R$ 10 mil, além de joias e celulares.

Foto: Divulgação/PCMS

Um casal foi alvo de pelo menos 75 disparos quando estavam em um carro, próximo a um cassino em Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai, região que sofre com o domínio do tráfico de drogas. O crime ocorreu na madrugada de domingo (13), em Mato Grosso do Sul. As informações são do portal Uol.

As vítimas, Wellington Bruno Alves, de 27 anos, e Daiane Dias Constanci, de 26, foram encontrados mortos dentro de um carro. A polícia encontrou 11 cápsulas de pistola de 9 milímetros e outras 64 de fuzis de diferentes calibres.

Após a série de disparos, os suspeitos fugiram e ainda estão em liberdade. O duplo homicídio foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã, já que o casal foi baleado no lado brasileiro. Já o cassino é legalizado, pois está no perímetro paraguaio da avenida.

Nenhum objeto foi levado de dentro do carro, onde havia uma quantia de R$ 10 mil e US$ 26, além de celulares e joias. O casal morreu no local.

De acordo com a Polícia Civil, Wellington Alves era auxiliar de pedreiro. Ele respondia em liberdade por tráfico de drogas. Na época, em 2014, ele foi flagrado com 500kg de maconha em direção a Campo Grande. De acordo com o processo obtido pelo Uol, o acusado alegou não saber do que se tratava a mercadoria, mas que estava fazendo o transporte a pedido de um amigo.

Já a esposa dele, Daiane Dias, era estudante. Seu aniversário de 27 anos seria comemorado no dia seguinte à morte. De acordo com as redes sociais, os dois iniciaram o relacionamento em janeiro de 2018.


About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga