» » Ministro das Relações Exteriores pede demissão após pressão do Congresso

Desgaste com o Senado e falta de articulação para conseguir vacinas derrubam chanceler do país.

Foto : Marcos Corrêa/PR

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, pediu demissão do cargo hoje (29). Ele informou a seus subordinados. Segundo pessoas próximas, Araújo vai apresentar ao presidente Jair Bolsonaro formalmente ainda nesta segunda-feira o pedido de sua exoneração do cargo. O pedido ocorre após pressão de parlamentares, inclusive dos presidentes da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

Lira chegou a  dizer que Araújo perdeu a capacidade de dialogar com países. Chanceler já era alvo de críticas pela condução da política externa brasileira, marcada pelo estreitamento nas relações com o EUA durante a presidência de Donald Trump e embates com importantes parceiros comerciais, como a China.



About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga