» » Secretário estadual da Saúde diz que não existem óbitos por falta de assistência na Bahia

 

Crédito da Foto: Fernando Vivas/GovBa

O secretário estadual da Saúde (Sesab), Fábio Vilas-Boas, esclareceu que não há óbitos por falta de assistência ao pacientes de Covid-19 na Bahia. A declaração foi divulgada pela Secretaria de Comunicação do governo da Bahia (Secom-BA), nesta sexta-feira (19/3).

"Os óbitos, antes de os pacientes serem transferidos para a UTI, tem múltiplas razões. Dentre elas, não está a desassistência. É muito diferente você ter um óbito que aconteceu antes de ser internado na UTI, antes de ser transferido, e achar que esse óbito foi por falta de atendimento adequado", disse Vilas-Boas.

O secretário ainda acrescentou que todos esses pacientes estão internados em Unidades de Pronto Atendimento (UPA) e em unidades de emergência de hospitais, e alguns deles fazem uso da ventilação mecânica, adequada, com oxigênio, e outros, faleceram em domicílio. Ele explicou, também, que a situação é diferente da registrada no estado do Amazonas.

"A situação é muito diferente do quê a gente viu que aconteceu no Amazonas, das pessoas chegarem nos hospitais, estarem dentro das ambulâncias, sem conseguir acesso a um tratamento", declarou, acrescentando que, na Bahia, 100% das pessoas são atendidas na emergência. 

"O respirador está ali, o médico está ali, o recurso é oferecido a esses pacientes. Agora, nós estamos observando uma evolução muito grave desses pacientes. A gente vê pacientes chegarem nas unidades, evoluírem rapidamente para a necessidade de entubação orotraqueal e ventilação mecânica, e são pacientes que morrem mais rápido", revelou, complementando que esse é um momento de "agravamento" do próprio vírus.

Secom/GovBa

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga