» » Mulheres morrem após serem baleadas na porta de casa, no bairro do Curuzu

Em nota, PM afirma que disparos foram feitos durante confronto; moradores questionam ação.

Foto: Arquivo pessoal
Duas mulheres morreram após serem baleadas na porta de casa, na noite desta sexta-feira (4), no bairro do Curuzu, em Salvador. Segundo testemunhas, Maria Célia de Santana, de 73 anos, e Viviane Soares, de 40 anos, foram atingidas por tiros disparados por policiais militares, durante perseguição a um suspeito que estava em um carro. Elas foram socorridas para o Hospital Geral Ernesto Simões Filho (HGESF), mas não resistiram. Viviane deixa um filho de 10 anos.

Em nota, a Polícia Militar informou que equipes da Operação Apolo foram acionadas logo após receberem informações de que um veículo que tinha sido roubado no bairro de Nazaré, na noite de sexta-feira, estaria no bairro do Curuzu. Ao chegarem ao local, os policiais identificaram o veículo e ao se aproximarem dele para efetuar a abordagem, foram recebidos a tiros por um homem armado.

Ainda de acordo com a PM, o indivíduo causou uma colisão traseira em um caminhão-baú e saiu do veículo efetuando disparos contra a guarnição. Houve revide, mas o acusado conseguiu fugir a pé. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). 

Em entrevista à TV Bahia, moradores do Curuzu fizeram críticas à abordagem da PM. “Eles acabaram atingindo as duas, pela falta de preparo deles. Porque não havia nenhum motivo, porque era apenas um bandido, segundo eles. E eles dispararam sem ter para quê. A gente está bastante incomodado, porque o tempo todo os bairros periféricos sofrem esse tipo de abuso policial. Sempre fica impune”, disse um morador que não quis se identificar.

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga