» » Sehab chega ao Parque Florestal para mais uma etapa de estudo do Casa Verde e Amarela

Os estudos preliminares para o Programa Casa Verde e Amarela seguem avançando no município. A Prefeitura de Camaçari, através da Secretaria da Habitação (Sehab), chegou no bairro do Parque Florestal, para informar à população sobre os benefícios do programa que, neste primeiro momento, contempla Regularização Fundiária (escritura do imóvel) e Melhorias Habitacionais (reforma do imóvel).

De acordo com a equipe técnica da Sehab, a receptividade e adesão da população ao programa têm sido positivas. A pasta iniciou os trabalhos no começo de maio deste ano e até o presente momento, mais de 500 famílias já mostraram a intenção de participar do programa.

O técnico em elétrica, Edson Márcio, não pensou duas vezes e rapidamente apresentou seus documentos para a realização do pré-cadastro. “O Programa oferece tudo de bom. Até porque, a partir do momento em que o cidadão tem sua escritura em mãos, a propriedade passa a ter mais valor. Comprova que ali realmente pertence ao seu morador, fazendo com que a gente se sinta mais seguro”, contou empolgado.

Para a dona de casa Maria Jaciara, moradora do bairro há 32 anos, o sentimento não é diferente. “Vai ser muito bom a chegada do programa, inclusive a escritura também vai facilitar para uma ocasião futura, se eu quiser vender o imóvel terei certeza que estarei fazendo tudo dentro da lei”, explicou.

Programa Casa Verde e Amarela:

O objetivo do Casa Verde e Amarela é iniciar o processo de regularização fundiária de mais de 100 mil imóveis, de famílias de baixa renda, em todo o Brasil, até o fim deste ano. Lembrando que não poderão ser incluídas casas localizadas em áreas não passíveis de regularização ou de risco.

Já as casas que receberão as melhorias, serão algumas das unidades regularizadas pelo programa. Cerca de 20 mil imóveis, de todo território nacional, poderão receber algumas obras, como instalação de banheiro, cobertura ou piso e instalações elétricas ou hidráulicas.

Para estarem aptas a etapa de melhorias, as famílias interessadas devem ter renda mensal de até cinco salários mínimos, precisam estar inseridas no CadÚnico do Governo Federal, além de não possuírem outro imóvel e o proprietário ser maior de 18 anos ou emancipado.

Vale ressaltar que o Casa Verde e Amarela é um programa que concede financiamento oferecido pelo Governo Federal e possui taxa única de R$ 50,00 (cinquenta reais), para a Regularização Fundiária e 1% do valor equivalente do financiamento individual, no que diz respeito a parte de Melhorias Habitacionais, para famílias com renda de até dois salários mínimos. 


Foto: Isaac Coelho

--
Agência de Notícias
Coordenadoria de Jornalismo e Imprensa
Diretoria de Comunicação - Prefeitura de Camaçari

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga