» » Defesa Civil promove treinamento em primeiros socorros psicológicos

Cerca de 20 profissionais da Defesa Civil de Camaçari e de Dias d’Ávila, do 12º Batalhão da Polícia Militar, da Companhia Independente de Policiamento Especializado – Polo Industrial (CIPE-PI), do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), e do Corpo de Bombeiros estiveram reunidos na manhã desta quinta-feira (29/7) no treinamento de Primeiros Socorros Psicológicos. Promovido pela Defesa Civil de Camaçari, a formação certificada de seis horas foi ministrada pela psicóloga voluntária do órgão, Manuella Diniz.

Com o objetivo de preparar e qualificar profissionais de órgãos emergenciais em ocorrências que demandem primeiros socorros psicológicos, o curso visa preencher lacuna no preparo técnico-operacional dessas equipes. “Em função da recorrência de situações como esse perfil, e constatando o despreparo de profissionais que atuam nessas ocorrências, percebi a necessidade de promover uma formação dessa natureza, reunindo esses trabalhadores”, explicou Ivanaldo Soares, coordenador da Defesa Civil de Camaçari.
Para o coordenador, por atuarem na linha de frente é preciso que estejam em condição de levar conforto a quem precisa de ajuda. A formação permitiu que os órgãos percebessem a necessidade de sistematizar dados sobre ocorrências que demandam cuidados psíquicos e, de maneira conjunta, fornecerem informações para que o sistema público de saúde dê o suporte adequado em tais situações.

Segundo Manuella Diniz, responsável pela formação, pessoas sofrem ao vivenciarem situações difíceis que decorrem de emoções com as quais não sabem lidar. “A gente não vê a questão do sofrimento psíquico só na cultura de relacionamento, ou até na questão de morte, mas também o contexto material de ver sua casa atingida por um desabamento, ou de conviver com um problema como uma rachadura, por exemplo, e você não ter condição de consertar, chegando ao ponto de ter que deixar a sua casa”, explicou a especialista.

De acordo com Joilson Nobre, socorrista do SAMU, a pandemia só fez agravar uma situação que já era bastante delicada no exercício diário de sua função. “Diversas vezes somos acionados para lidar com tentativas de suicídio, de homicídio, de surto psiquiátrico ou psicológico. Trabalhamos em interação – o SAMU, a Defesa Civil, a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros, de modo que uma equipe acaba complementando a outra”, reconheceu. O profissional parabenizou a iniciativa da Defesa Civil pois, em sua visão, é isso que vai fomentar a discussão e levar ao reconhecimento da necessidade de melhora no atendimento prestado nessas situações.

Foto: Josué Silva

Agência de Notícias
Coordenadoria de Jornalismo e Imprensa
Diretoria de Comunicação - Prefeitura de Camaçari

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga