» » Goleada em Pituaçu: Nem “São Matheus” salvou Bahia do Mengo

 Com a derrota, o Bahia caiu para a 8ª posição na tabela de classificação da Série A.

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Por conta dos jogadores que deixaram o clube, o zagueiro Juninho e o meia Thaciano, das suspensões dos volantes Jonas e Daniel, o Bahia perdeu a identidade do time que chegou a fazer parte do G-4 da Série A do Brasileiro, e terminou sendo um adversário facilmente vencido pelo poderoso Flamengo, agora sob o comando do técnico Renato Gaúcho. A goleada de 5 a 0  hoje a noite no Estádio de Pituaçu, com gols de Gabigol (3), Pedro e Virinho, até ficou barato para o Tricolor baiano diante da grande superioridade do Mengo e da atuação de Matheus Bahia, que evitou uma humilhação ainda maior em casa.

Nem mesmo o reforço do lateral-direito Nino Paraíba, que estava suspenso pelo STJD e na sexta-feira teve o resto da sua pena convertida em multa de R$ 22 mil, salvou o time do Bahia que teve uma atuação irreconhecível contra o Flamengo, muito superior nesse clássico em Salvador. Foi uma noite do artilheiro Gabigol, que marcou três aos 22, de pênalti, e 40, do 1º tempo, e aos 16min do 2º tempo, e só não fez mais porque foi substituído aos 18min. Mas seu substituto, Pedro, ampliou para 4 a 0, aos 28, e Vitinho, aos 38, definiu o placar de 5 a 0.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia
Por conta dos jogadores que deixaram o clube, o zagueiro Juninho e o meia Thaciano, das suspensões dos volantes Jonas e Daniel, o Bahia perdeu a identidade do time que chegou a fazer parte do G-4 da Série A do Brasileiro, e terminou sendo um adversário facilmente vencido pelo poderoso Flamengo, agora sob o comando do técnico Renato Gaúcho. A goleada de 5 a 0  hoje a noite no Estádio de Pituaçu, com gols de Gabigol (3), Pedro e Virinho, até ficou barato para o Tricolor baiano diante da grande superioridade do Mengo e da atuação de Matheus Bahia, que evitou uma humilhação ainda maior em casa.

Nem mesmo o reforço do lateral-direito Nino Paraíba, que estava suspenso pelo STJD e na sexta-feira teve o resto da sua pena convertida em multa de R$ 22 mil, salvou o time do Bahia que teve uma atuação irreconhecível contra o Flamengo, muito superior nesse clássico em Salvador. Foi uma noite do artilheiro Gabigol, que marcou três aos 22, de pênalti, e 40, do 1º tempo, e aos 16min do 2º tempo, e só não fez mais porque foi substituído aos 18min. Mas seu substituto, Pedro, ampliou para 4 a 0, aos 28, e Vitinho, aos 38, definiu o placar de 5 a 0.

Com a derrota, o Bahia caiu para a 8ª posição na tabela de classificação da Série A, e mesmo com a opção da volta do volante Daniel e a estreia do meia argentino Lucas Mugni, o time Tricolor saí para encarar outro jogo muito difícil, no próximo domingo, dia 25, contra o Atlético Mineiro no Mineirão, em Belo Horizonte.

Ficha – O goiano Wilton Pereira da Silva, árbitro da FIFA, apitou jogo de ontem à noite em Pituaçu; Bahia – Matheus Teixeira; Nino Paraíba, Ligger, Conti e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Patrick (Edson), Galdezani (Lucas Araújo) e Thonny Anderson (Maycon Douglas); Rossi, Rodriguinho (Pablo) e Gilberto. Técnico: Dado Cavalcanti; Flamengo: Diego Alves, Isla (Rodinei), Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís (Renê); Willian Arão, Diego (João Gomes), Arrascaeta e Everton Ribeiro; Michael (Vitinho) e Gabigol (Pedro). Técnico: Renato Gaúcho. Outros resultados: São Paulo 0 x 1 Fortaleza; Ceará 1 x 0 Athlético/PR; Corinthians 1 x 2 Atlético/MG; Fluminense 0 x 1 Grêmio; Chapecoense 2 x 3 Cuiabá; Atlético/GO 0 x 3 Palmeiras.Com a derrota, o Bahia caiu para a 8ª posição na tabela de classificação da Série A, e mesmo com a opção da volta do volante Daniel e a estreia do meia argentino Lucas Mugni, o time Tricolor saí para encarar outro jogo muito difícil, no próximo domingo, dia 25, contra o Atlético Mineiro no Mineirão, em Belo Horizonte.

Ficha – O goiano Wilton Pereira da Silva, árbitro da FIFA, apitou jogo de ontem à noite em Pituaçu; Bahia – Matheus Teixeira; Nino Paraíba, Ligger, Conti e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Patrick (Edson), Galdezani (Lucas Araújo) e Thonny Anderson (Maycon Douglas); Rossi, Rodriguinho (Pablo) e Gilberto. Técnico: Dado Cavalcanti; Flamengo: Diego Alves, Isla (Rodinei), Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís (Renê); Willian Arão, Diego (João Gomes), Arrascaeta e Everton Ribeiro; Michael (Vitinho) e Gabigol (Pedro). Técnico: Renato Gaúcho. Outros resultados: São Paulo 0 x 1 Fortaleza; Ceará 1 x 0 Athlético/PR; Corinthians 1 x 2 Atlético/MG; Fluminense 0 x 1 Grêmio; Chapecoense 2 x 3 Cuiabá; Atlético/GO 0 x 3 Palmeiras.]

Tribuna da Bahia, Salvador



About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga