» » Audiência Pública aponta turismo como atividade econômica prioritária para o futuro de Camaçari

                                     

Encontrar o melhor caminho para fomentar a atividade turística no município dentro das limitações e cuidados exigidos para um cenário pós-pandêmico foi o foco da Audiência Pública realizada pela Câmara de Camaçari, na manhã desta quinta-feira (09/09). A proposta do debate foi uma iniciativa do vereador Júnior Borges (DEM), presidente da Casa Legislativa.

O proponente abriu o evento destacando a importância de compreender que o momento exige agilidade na tomada de decisões relativas à atração de renda para o município. “Durante muito tempo focamos os nossos empregos e rendas na indústria e foram anos de muita prosperidade. Mas precisamos mudar o foco da nossa atuação e o turismo é um caminho viável e de grande potencial”, defendeu.  O parlamentar ainda citou locais que podem fazer parte da programação turística da cidade. “Temos o Parque das Dunas, o Morro do Urubu, o Quilombo de Cordoaria, a Aldeia Hippie, dentre tantos outros locais que, inclusive, vão além das praias dos nossos 42 quilômetros de costa. Tudo isso através de um desenvolvimento sustentável, em que o respeito ao meio ambiente deve ser prioridade”, acrescentou.

Logo em seguida, a secretária municipal de Turismo, Cristiane Bacelar, pontuou os danos causados pela pandemia ao setor. “A pandemia foi um grande desafio que trouxe prejuízos incalculáveis para o setor. Nós temos que trabalhar para um futuro ainda incerto, mas que precisa ser pensado, planejado e fomentado”, destacou. Apesar dos percalços enfrentados, ela se mostrou otimista em relação ao futuro. “Eu não tenho dúvida que Camaçari será uma cidade baseada na atividade turística em breve. E digo isso porque estamos trabalhando para isso, com esse foco. Estamos realizando um trabalho transversal, incluindo outras secretarias e órgãos, pensando em mobilidade, trânsito, aspectos sociais, dentre outros”, garantiu.

Em sua fala, a presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens - Bahia, Ângela Carvalho, destacou o turismo como ferramenta transformadora de uma sociedade. “Precisamos entender o turismo como uma das quatro atividades econômicas mais importantes do mundo, que movimenta mais de 50 outras atividades, como setor de aviação, hoteleiro, bares e restaurantes, dentre outros”, citou. Na mesma linha, o presidente da Federação Baiana de Turismo e Hospitalidade da Bahia, Silvio Pessoa, citou alguns números importantes. “O turismo é responsável por 8% do nosso PIB. Somos quase um milhão de empregados direta e indiretamente nesse setor. Isso nos mostra a importância dessa atividade econômica que vem sofrendo muito com as consequências da pandemia. Precisamos retomar os investimentos e o planejamento para que o setor continue pulsando”, complementou.

                                        

A subsecretária de Turismo, Lúcia Bichara, reforçou a opinião de que Camaçari tem muito a oferecer em termos de roteiro turístico. Ela citou o turismo de mergulho como um exemplo, por conta de muitas embarcações que foram naufragadas na costa. “Podemos ser um grande operador do turismo no mundo. Temos potencial cultural e precisamos fortalecer e divulgar isso. Turismo gera emprego, renda, garante qualidade de vida para as pessoas, promove a formação profissional dos cidadãos e nos coloca como um destino de viagem. Estamos construindo projetos que podem contribuir para a transformação na nossa cidade”, afirmou.

O público participou da discussão enviando questionamentos sobre o tema através do número de WhatsApp disponibilizado pela Câmara e também com a participação presencial. Entre as questões levantadas estavam algumas feitas por Rivelino Martins, integrante do grupo Guardiões do Cacimbão, em Arembepe. Ele pontuou a necessidade de obras de esgotamento sanitário na região para preservar e recuperar o Rio Capivara, pediu a construção de um mirante e de um memorial em Arembepe, além de solicitar que sejam realizadas ações de combate às invasões e aos paredões que têm acontecido com frequência na região.

Também fizeram uso da palavra Chico’s Tour, representando o secretário estadual de Turismo, Maurício Bacelar; a coordenadora da Câmara Empresarial do Turismo (CET) da Fecomércio Bahia, Avani Duran; o secretário municipal de Relações Institucionais, José Matos; o subsecretário de Educação, Adalto Santos; Leonardo Pimenta, gerente da agência do Banco do Nordeste em Camaçari; o representante do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), Luís Cláudio Mendonça; a presidente da Associação Brasileira de Jornalistas Especializados em Turismo, Heloísa Braga; dentre outros representantes de entidades ligados ao tema. 

Diretoria de Comunicação
Câmara Municipal Camaçari
 www.cmcamacari.ba.gov.br
ascom.cmcamacari@gmail.com
+ 55 71 3621-6150
Acesse nosso Flickr: http://www.flickr.com/photos/ascomcmcamacari/
Nos siga no Twitter: http://twitter.com/ascomcmcamacari

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga