» » Acusado de matar motorista de aplicativo no bairro Mangabeira é preso um ano após o crime

O acusado será transferido para o Conjunto Penal de Feira de Santana e aguardará o julgamento preso.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Investigadores do Grupo de Capturas da Delegacia de Homicídios (Gcap) de Feira de Santana, prenderam na manhã desta segunda-feira (8), um homem acusado de matar o motorista de aplicativo, Helder dos Santos Oliveira, 35 anos.

O crime aconteceu no dia 3 de novembro do ano passado,no residencial Santa Bárbara, no bairro Mangabeira, quando Helder estava com um casal de passageiros, que fugiram do local após o crime. 

Em entrevista ao Acorda Cidade, o delegado titular da Delegacia de Homicídios (DH), Rodolfo Faro, informou que o acusado se manteve em silêncio no momento do interrogatório e negou qualquer participação com o tráfico de drogas.

"Esse inquérito já havia sido concluído com a autoria dos indivíduos que praticaram o crime contra esse motorista de aplicativo, foi feita uma representação da prisão preventiva deste acusado e após a interpretação desse mandado, a polícia começou a diligenciar no sentido de localizá-lo. A equipe logrou êxito na manhã de hoje, prendendo este homem. Ele se reservou, permaneceu em silêncio, negou qualquer envolvimento com o tráfico de drogas e a polícia vai trabalhar no sentido de verificar a motivação do crime", explicou.

Na última quarta-feira (3), o crime completou um ano, mas só agora um dos acusados foi preso. Com relação a esta situação, o delegado informou à reportagem do Acorda Cidade que a equipe não 'esmorece' com nenhum crime cometido no município e continua diligenciando todos os inquéritos.

"Alguns inquéritos ficam realmente sem uma resposta adequada, infelizmente, o número de ocorrências é muito grande em nossa cidade e o trabalho de certa forma fica sobrecarregado para nossa equipe. Mas a partir do momento em que nós recebemos algumas informações no sentido do retorno desses indivíduos, porque muitas vezes, eles fogem após o cometimento do crime, então quando a gente recebe essa informação de que esta pessoa retornou, nossa equipe inicia novamente as diligências, com a certeza de que esses crimes praticados, não fiquem para trás", alegou.

O acusado será transferido para o Conjunto Penal de Feira de Santana e aguardará o julgamento preso.

"Vamos aguardar agora o júri, acredito que com todo material comprobatório que já existe no inquérito, o mesmo será condenado, e agora a polícia trabalha para localizar os demais indivíduos envolvidos, haja vista que foram quatro", concluiu.

 Com informações: Acorda Cidade


About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga