» » Seduc participa de culminância do projeto Baú das Artes na quarta (17/11)

A Secretaria da Educação (Seduc), por meio de 60 professores de oito escolas municipais que integram o projeto Baú das Artes 2021, participa de evento de culminância da iniciativa no próximo dia 17 de novembro, às 19h, de forma on-line, por meio da plataforma Zoom. A proposta pedagógica é realizada pela Evoluir, viabilizada pela Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, com patrocínio da Oxiteno. O encontro virtual tem por objetivo celebrar a trajetória do projeto de qualificação e sensibilização de professores para a importância da ludicidade no processo de aprendizagem.

Foram contempladas 25 unidades escolares de cinco cidades brasileiras: Camaçari/BA, Suzano /SP, Tremembé/ SP, Mauá/SP e Triunfo/RS. Os professores, vinculados às escolas municipais Maclina Maria da Glória, Normal de Camaçari, Santa Maria, Sílvio Pereira Franco, Coqueiro de Arembepe, Giltônia Pereira de Souza, do Natal e do Centro Educacional Municipal Paulo Freire, passaram por etapas de formação, iniciada em abril de 2021. Todas as unidades trabalham com os anos iniciais do ensino fundamental.

A educadora Magali Sales, técnica da Diretoria Pedagógica da Seduc, acompanha a execução da iniciativa desde 2017, quando aconteceu ainda como projeto-piloto. “Desde o início que integro o grupo responsável por indicar as escolas de Camaçari. Utilizamos como critério a necessidade de ampliação da ludicidade no processo de alfabetização. Cada escola tem autonomia em organizar o acesso dos seus estudantes ao material concedido pelo projeto, podendo assim, expandir sua prática, fazendo o que planeja e o que deseja referente à alfabetização dos alunos”, explicou a educadora.
Segundo a Evoluir, editora e executora de projetos educacionais, a atividade é um trabalho de fomento às artes. Cada escola de Camaçari recebeu em outubro um baú físico, contendo adereços, fantasias, instrumentos musicais, dentre outros materiais, além de uma biblioteca com 300 títulos. Somam-se a isso, cadernos de atividades de formação de professores, a fim de subsidiar a aplicação dessas propostas junto aos estudantes.

Para Carla Costa, coordenadora do projeto Baú das Artes, “não é só uma entrega do baú, mas é todo um projeto pedagógico, que vai desde a formação desses professores até o compartilhamento de ferramentas que permitam o desenvolvimento das atividades ludopedagógicas propostas”, explicou. Tem como metodologia a Aprendizagem Baseada em Projetos (ABP), e a transversalidade como marca do material pedagógico.
Na culminância, estão previstas apresentações artísticas e interação entre os cerca de 120 participantes inscritos. Além dos professores, a iniciativa beneficia direta e indiretamente cerca de 5.500 alunos dos anos iniciais do ensino fundamental de  Camaçari.

Foto: Tiago Pacheco

Agência de Notícias
Coordenadoria de Jornalismo e Imprensa
Diretoria de Comunicação - Prefeitura de Camaçari

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga