» » Ações promovidas pelo Detran-BA celebram o mês do motociclista e do motorista

Siga-nos no instagram @tvconexao33


Um mês voltado para conscientização coletiva visando um trânsito mais seguro, condutores melhor preparados e comprometidos em  preservar vidas. Com essa proposta, o Detran-BA (Departamento Estadual de Trânsito) promoveu  ações em julho, quando são comemorados  os Dias do Motorista (25) e do Motociclista (27). Dentre elas, uma blitz educativa realizada na noite desta quarta-feira (27), em parceria com a Polícia Militar (PM) - Esquadrão Águia.


Durante a blitz, foram distribuídos panfletos informativos contendo dicas importantes para os motociclistas, categoria que lidera o ranking de vítimas fatais em acidentes no trânsito.
Na sede do órgão, candidatos à primeira habilitação participaram de palestras educativas com a temática da segurança no trânsito.
Em um dos momentos, o policial Walter Lacerda, examinador do órgão e integrante do Esquadrão Águia, respondeu aos questionamentos dos candidatos e comparou o número de vítimas de acidentes anuais com moto no Brasil à queda de um grande avião, por exemplo.
Janiele Silva, candidata à primeira habilitação Categoria A, revelou que o bate-papo serviu para oferecer mais calma e segurança antes da prova prática. “Ação interessante pois além da palestra  que agrega conhecimento, o panfleto trouxe uma dica para que  os motociclistas usem preferencialmente roupas claras para ficarem mais visíveis no trânsito”, pontuou.

Mutirões
Durante todo o mês de julho, o Detran oferece mutirões para exames práticos, nos finais de semana. Em Salvador, foram ofertados 320 horários extras.
No próximo sábado (30) e no primeiro sábado de agosto (6), o órgão oferece vagas para os testes práticos. Para participar, o aluno entra em contato com as autoescolas para verificar sobre as vagas disponíveis.  Também durante a semana, o total de testes práticos foi elevado em 80 vagas diárias contemplando as categorias A e B. Porém, atualmente, o órgão tem registrado uma média diária de 20% de falta dos candidatos às provas práticas.

«
Anterior
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga