» » » Bolsonaro demite general Santos Cruz da Secretaria de Governo da Presidência

Fonte: Da redação

Crédito da Foto: Pedro Ladeira/Folhapress
O presidente Jair Bolsonaro demitiu, nesta quinta-feira (13/6), o general Carlos Alberto dos Santos Cruz. Ele era secretário de Governo da da Presidência da República. Com isso, Santo Cruz torna-se o terceiro ministro a cair no atual governo, após Bebianno (Secretaria Geral) e Ricardo Vélez Rodríguez (Educação).
Santos Cruz chegou ao Planalto em janeiro e se envolveu em seguidas crises com os filhos do presidente, além de um embate com o guru dele, o escritor Olavo de Carvalho. A comunicação do governo era um dos pontos de embate.
O ministro general reagiu às ofensas de Olavo aos militares que hoje trabalham no Palácio do Planalto, em especial o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB).
“Eu nunca me interessei pelas ideias desse sr. Olavo de Carvalho”, disse Santos Cruz à Folha. Nem a forma nem o conteúdo agradam a ele",  afirmou. “Por suas últimas colocações na mídia, com linguajar chulo, com palavrões, inconsequente, o desequilíbrio fica evidente”, criticou Santos Cruz, em março.
Em abril, o ministro também comentou sobre a necessidade de evitar distorções nas redes sociais. Ele afirmou que a influência das mídias sociais é benéfica, mas também pode "tumultuar". Para ele, é necessário ter cuidado com a sua utilização, evitando ataques e o seu uso como "arma de discórdia". As declarações foram feitas em entrevista à rádio Jovem Pan.
Atualização
O porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio Rêgo Barros, informou que o substituto de Santos Cruz será o general de Exército Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira, atual comandante militar do Sudeste. Ramos também atuou como comandante da Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti e foi vice-chefe do Estado-Maior do Exército.

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply