» » Bahia assume segundo lugar no ranking nacional de testagens do coronavírus com mais de 40 mil análises

Crédito da Foto: divulgação / Sesab
O Laboratório Central de Saúde Pública Professor Gonçalo Moniz (Lacen-BA) recebeu 43.837 solicitações de exames para detecção do coronavírus (Covid-19) no período de 1° de março a 21 de maio. Até às 15 horas de ontem (21/5), 39.949 exames do tipo RT-PCR, que é o padrão ouro na detecção do genoma viral, já haviam obtido resultado, o que representa 91,13% do total de amostras, restando apenas 3.888 exames em análise. Os números colocam a Bahia em segundo lugar no ranking nacional de testagens moleculares, ficando atrás apenas de São Paulo. No Brasil, até a data de ontem, foram analisados 423.438 exames de 585.307 solicitados.
O secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, utilizou as redes sociais para ressaltar que foram investidos mais de R$ 2 milhões na ampliação e aquisição de equipamentos para o Lacen-BA.
“Inauguramos um novo prédio anexo que concentrou todos os procedimentos de biologia molecular no mesmo lugar e não ficamos esperando chegarem os insumos do Ministério da Saúde para realizar os exames. Compramos com recursos próprios, contratamos pessoal para trabalhar 24 horas por dia, sete dias por semana”, completou o secretário. 
A diretora-geral do Lacen-BA, Arabela Leal, enfatizou ainda que os resultados serão ainda melhores dentro de algumas semanas. “O que diferencia a Bahia de outros estados é a automatização dos testes. Nós já recebemos equipamentos automatizados e a capacidade do Lacen-BA ainda será ampliada. Estamos aguardando a chegada de mais três equipamentos e dobraremos a capacidade atual de 1.000 exames por dia para 2.000 análises”, comemora a diretora.

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga