» » Chefe do BDM em Madre de Deus é morto durante megaoperação da SSP em Ilhéus

Crédito da Foto: arquivo/divulgação/SSP
O líder da facção criminosa Bonde do Maluco em Madre de Deus, na Região Metropolitana de Salvador, morreu na manhã desta segunda-feira (18/5). Cauan Pitangueira Guedes Silva estava no município de Ilhéus, na região Sul da Bahia, e foi atingido em uma troca de tiros durante uma megaoperação que envolveu policiais civis e militares. O jovem tinha aproximadamente 30 anos e uma vasta ficha criminal.
Segundo a Secretaria de Segurança Pública, Cauan era autor de pelo menos oito assassinatos de rivais e usuários de drogas entre 2012 e 2018. Ele chegou a ser preso em maio de 2019, mas foi colocado em liberdade provisória no mês de dezembro. A polícia acredita que ele continuava ordenando a venda de entorpecentes, roubos e estar envolvido em a corrupção de menores.
As investigações da Polícia Civil indicaram que ele poderia estar escondido no distrito de Vila Juerana. Ainda segundo a SSP, assim que foi localizado, Cauan tentou fugir atirando contra os PMs da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE/Cacaueira), iniciando o confronto.  Ele foi ferido e socorrido para o Hospital Regional Costa do Cacau, mas não resistiu. Foram apreendidos um revólver, munições, maconha e celulares.
Participaram da ação agentes da Cipe Cacaueira, do Comando de Operações Policiais Militares, da 60ª Companhia Independente (CIPM), da 17ª Delegacia Territorial (DT/Madre de Deus) e do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco). 
Whats-App-Image-2020-05-18-at-2-38-21-PM

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga