» » » Vereadores acompanham ações municipais de combate à pandemia durante audiência pública da Secretaria de Saúde

Os vereadores de Camaçari participaram, na manhã desta quinta-feira (18/06), da Audiência Pública de Prestação de Contas da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), referentes ao primeiro quadrimestre de 2020. Os dados foram apresentados pelo secretário da pasta, Luiz Duplat. 
Durante a audiência, que foi realizada através de videoconferência, o secretário fez questão de destacar as ações da gestão municipal no combate à pandemia. “A pandemia veio de maneira totalmente inesperada e tivemos que refazer todos os nossos planos e previsões para atender essa necessidade urgente que é combater a propagação desse vírus em nosso município”, registrou. 
Ele exaltou as medidas de prevenção tomadas e disse que foram fundamentais para o achatamento da curva de contágio da doença. Na ocasião, também destacou o fato de Camaçari ser o único município na Região Metropolitana que tem leitos de UTI para atendimento aos pacientes com Covid-19 e de possuir um sistema de regulação próprio das vagas disponíveis para atendimento dos acometidos pela doença. 
Como exemplo das medidas preventivas, o gestor da pasta citou o fechamento do comércio, suspensão de atividades festivas, exigência de uso de máscara no município, desinfecção das unidades de saúde, disponibilização de unidades exclusivas para casos suspeitos de Covid-19, implantação de sala de monitoramento e Call Center para atendimentos relacionados à doença. “Até 30 de abril, foram realizados 2.566 atendimentos através deste serviço telefônico. Também precisamos destacar a excelência da nossa Vigilância Sanitária, que tem sido fundamental nesse enfrentamento”, informou. 

Ainda como consequência da pandemia, destacou o receio da população em buscar unidades de saúde. “Temos observado que as pessoas estão com medo de buscar atendimento nas unidades de saúde, isso tem se demonstrado em alguns dados que contabilizamos, como o aumento do número de óbitos em domicílio, por exemplo, e também no aumento do atendimento do SAMU com unidade equipada para casos mais graves”, explicou. 
O secretário também falou sobre outras ações relacionadas à Secretaria, e citou informações positivas como o aumento da cobertura do serviço na Atenção Básica, especialmente Saúde da Família e Saúde Bucal, além de destacar a importância de ações voltadas para o incentivo à ações integrativas como forma de colocar em prática uma visão global da saúde. “Temos ainda dados que mostram que iríamos também aumentar o número de consultas realizadas no nosso município, mas esse serviço está também comprometido por conta da suspensão de atendimentos por conta da pandemia”, lamentou. 
 O vereador Jackson (PT) destacou sua preocupação com a falta de testes rápidos para Covid-19 no município. O secretário respondeu que o Ministério da Saúde não cumpriu o cronograma de distribuição dos testes e que o município está com processo licitatório de compra em andamento. O vereador Marcelino (PT), por sua vez, perguntou se os servidores que estão em serviço, especialmente os que precisam ter contato com a população, estão sendo testados. Em resposta, o secretário informou que as equipes estão sendo testadas cumprindo um planejamento de testagem com critérios estabelecidos pela Sesau. 
Já o vereador Zé do Pão (CIDADANIA) solicitou ao secretário que o carro, popularmente chamado como “fumacê”, seja utilizado para reforçar o combate ao mosquito transmissor de doenças como a dengue. Em resposta, o secretário disse que o equipamento é de responsabilidade do Governo do Estado e que o serviço já foi solicitado.
O vereador Elias Natan (PSDB), que era o secretário de Saúde no período referente à prestação de contas apresentada na audiência, destacou que a gestão municipal tem extrapolado as suas obrigações legais no que diz respeito às ações durante a pandemia. “A gestão tem criado condições muito importantes para o atendimento adequado desses pacientes e isso tem sido item fundamental para o controle da transmissão e para o tratamento dos casos”, finalizou. 
Também fizeram uso da palavra os vereadores Pastor Neilton (PSDB), presidente da Comissão de Saúde da Câmara, Flávio Matos (DEM), Dentinho do Sindicato (PT), Marcelino (PT), Oziel (PDT), Junior Borges (DEM), Sessé Abreu (PSDB) e Falcão (CIDADANIA).
Fotos: Heriks Trabuco 
Diretoria de Comunicação
Câmara Municipal Camaçari

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga