» » Mulher executada em Pirajá por encapuzados; Salvador e RMS já registraram 7 femicídios

Uma mulher de 32 anos foi assassinada na madrugada desta quinta-feira (09/07), no bairro de Pirajá, em Salvador. O crime aconteceu na Travessa Sérgio de Oliveira.

Anaile de Jesus Silva foi atingida por tiros dentro de casa e morreu na hora. Em nota enviada ao IB, o Departamento de Comunicação Social da Polícia Militar disse que “uma guarnição da 9ª CIPM foi até o local e constatou o fato”. Populares informaram aos militares que “indivíduos encapuzados e armados dispararam e fugiram em seguida”.

A autoria e motivação são investigadas pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
Somente esse mês, 7 mulheres foram assassinadas em Salvador e região metropolitana. Outras três sofreram tentativas de femicídio. Além de Pirajá, as mortes ocorreram nos bairros de São Gonçalo do Retiro, Sete Portas, Vista Alegre, Curuzu, Mirantes de Periperi e Monte Gordo (Camaçari).
Apesar dos registros preocupantes, o número de mortes de mulheres está em queda.De acordo com a SSP, no mês de junho deste ano, a redução foi 150%, na Bahia. Foram seis casos, no último mês, contra 15 contabilizados em maio. A Região Metropolitana de Salvador (RMS), composta de 13 cidades, não teve registro em junho. Na capital ocorreram duas mortes em junho, contra três no mês anterior. Nas cidades do interior aconteceram quatro casos, contra 12 em maio.
Na Bahia, as mulheres contam os serviços da Operação Ronda Maria da Penha (ORMP), especialmente para aquelas com medidas protetivas, e das Delegacias e Núcleos Especiais de Atendimento à Mulher (Deams e Neams). Qualquer denúncia de violência doméstica pode ser realizada através do telefone 190. A viatura mais próxima do local será acionada imediatamente.

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga