» » Cidade do Saber promoveu inclusão de mais de 100 mil alunos em dois anos

Foto:Reprodução
Nos últimos dois anos, a Cidade do Saber (CDS) atendeu, com a oferta gratuita de atividades socioculturais e esportivas, aproximadamente 106 mil alunos. No complexo, foram realizados 116 cursos e oficinas. Mantida pela Prefeitura de Camaçari, o investimento anual na instituição é por volta de R$ 6 milhões.


Neste período, foram ofertados 101 cursos e oficinas nas áreas musical, cultural, artística e de idioma, além de 15 nas modalidades esportivas. A maioria das atividades foi executada nas instalações do complexo. Os números mostram que a CDS está cumprindo o papel a que se propõe, que é promover a inclusão social da população mais carente do município, possibilitando que o público atendido desenvolva talentos, troque experiências e conhecimentos, resgate a dignidade e eleve a autoestima.

No entanto, visando ampliar o alcance das atividades ofertadas, além de atender um maior número de pessoas, a Cidade do Saber, através das secretarias da Educação (Seduc), de Esporte, Lazer e Juventude (Sejuv), e da Cultura (Secult), descentralizou o atendimento e beneficiou mais de mil moradores dos bairros Lama Preta, Phoc III, Vila de Abrantes, Ponto Certo, Verdes Horizontes, Mangueiral, Burissatuba, do Residencial Algarobas e Arsenal, além dos idosos frequentadores do Centro de Convivência da Pessoa Idosa de Camaçari (Conviver).

Dentro do perfil dos alunos atendidos nos últimos dois anos, a faixa etária está entre crianças de seis anos a pessoas idosas com 60 anos. Desse público, 62% é do sexo masculino e 38% do feminino, e a maioria é residente da sede do município. Entre as redes de ensino, 46% do público atendido são da rede municipal. No que diz respeito à renda familiar, 56% ganha até um salário mínimo.

Além dos cursos e oficinas ofertados, a CDS implantou produtos socioculturais, a exemplo do Conservatório de Música, com a Orquestra Jovem; a TV Camaçari Cultura; a Cia Camaçari de Dança, com a proposta de inserção das comunidades; e a Cia Camaçari de Teatro, com a proposta de transformação sociocultural.

Com área total de 22 mil metros quadrados, a estrutura física do complexo ocupa 11 mil metros quadrados de área construída. São dois prédios; um ginásio poliesportivo; uma piscina semiolímpica; 17 salas de formação; quatro auditórios; uma sala multiuso; duas salas de dança; três salas de artes marciais; uma sala de oficina de teatro; um laboratório de informática; além do estúdio da TV Camaçari Cultura, com uma sala de edição; o Laboratório de Tecnologia de Camaçari (LabTec); o Museu ÚNICA; o Memorial do Polo Industrial de Camaçari; o Núcleo de Orientação Cultural (NOC); o Teatro da Cidade do Saber, que é o segundo maior, em capacidade, de todo o estado da Bahia, com a oferta de 568 lugares; e espaços dedicados à Secult, Seduc e Sejuv.

Na atual gestão, a Secult, pasta que faz o gerenciamento das ações da CDS, em conformidade com a Declaração Universal dos Direitos Humanos, assegurados no Brasil através da Constituição Federal, implementou o Cultura Todo Dia, programa autorizado pela Lei Municipal n.º 1.520, de 27 de dezembro de 2017, definido e regulamentado em Camaçari através da Portaria número 021/2019.

O programa tem como premissa básica promover o direito e o acesso à cultura como uma forma de propagação e fomento da cultura popular brasileira, respeitando a existência dos grupos de cultura popular de Camaçari, e promovendo a valorização do patrimônio cultural imaterial do município.


Agência de Notícias

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga