» » Começa hoje a vacinação contra a Covid-19 na Bahia

Ato simbólico que dará início à vacinação no estado acontece às 7h, no Hospital Santo Antônio, das Obras Socais Irmã Dulce.

Foto: Reginaldo Ipê

O dia tão esperado pela maioria dos baianos chegou. Nesta terça-feira (19), vai começar a campanha de vacinação contra a Covid-19 em todo o estado da Bahia. O ato simbólico que dará início às imunizações ocorre, às 7h, no Hospital Santo Antônio, das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid), no Largo de Roma, na capital baiana. O evento vai contar com as presenças do governador, Rui Costa, e do prefeito, Bruno Reis.

Ao todo, na primeira fase da campanha, em toda a Bahia, serão vacinadas 180 mil pessoas, de acordo com o Governo do Estado, entre idosos acima de 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência; funcionários ativos dos sistemas público e privado de saúde; indivíduos com deficiência que vivem em instituições de longa permanência; e população indígena aldeada. As determinações foram repassadas para Estados e Municípios pelo Ministério da Saúde.

O imunizante a ser aplicado será o Coronavac, da farmacêutica chinesa Sinovac que, aqui no Brasil, está sendo desenvolvido pelo Instituto Butantan, em São Paulo. Das mais de 5,9 milhões de doses que foram distribuídas pelo Ministério para todo o país, 376.600 tem como destino a Bahia (319.520 para a população no geral e 57.080 para os indígenas) – cerca de 45 mil delas para Salvador. A expectativa era a de que o carregamento com os insumos chegasse ainda na noite de ontem.

“Vamos começar a vacinação em Salvador pelo público prioritário. Vamos vacinar os idosos que estão nos asilos e nas unidades de permanência, e também os profissionais que estão atuando nas unidades de combate à Covid, ou seja, aqueles que estão nas UPAs e nos hospitais de campanha que montamos”, celebrou o prefeito de Salvador, Bruno Reis. 

Nesta segunda, ele esteve em Brasília, em reunião com técnicos do órgão federal para tratar da distribuição das vacinas. Na oportunidade, o gestor voltou a ressaltar que a capital baiana está totalmente preparada com estrutura e profissionais para iniciar a aplicação das doses, seguindo as determinações do Plano Municipal de Imunização (PMI).

Quem também celebrou a chegada da Coronavac à Bahia foi o governador Rui Costa, no mesmo dia em que ele completou mais um ano de vida. “Quero comemorar meu aniversário com a chegada da vacina à Bahia! Chego aos 58 anos com muita esperança e vontade de trabalhar para vencer a guerra contra a Covid-19. Estamos prontos para receber as primeiras doses ainda hoje e iniciar a distribuição às 417 cidades baianas”, escreveu ele, em uma rede social, também no dia de ontem.

ENTREGA

As primeiras doses da Coronavac que chegaram à Bahia, nesta segunda-feira, foram levadas para a sede do Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (Graer/PM), localizado na região do Aeroporto de Salvador. Lá, foi montada uma sala de refrigeração para abrigar as doses, pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). A estimativa é de que as vacinas permaneçam nesta sala por aproximadamente três horas.

No local, foi iniciado o processo de separação e distribuição para os 417 municípios baianos. Segundo o órgão estadual, cerca de 45 mil doses foram disponibilizadas para a capital baiana. Mas, por motivo de segurança, a quantidade das doses destinadas aos demais municípios não será divulgada, para evitar tumulto

“Após as primeiras vacinas chegarem à Bahia, nossa expectativa é que num período de 12 horas todas as doses estejam distribuídas para os municípios do estado, e no prazo de 24 horas após possamos iniciar a vacinação. A Bahia está preparada para receber as vacinas que irão imunizar nossa população”, afirmou ontem o secretário de saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas.

Com relação à distribuição dos insumos, o titular da Sesab explicou que ela será feita com o uso de aeronaves para aqueles municípios que possuem pista de pouso com balizamento noturno. Já a outra parte será enviada em caminhões e caminhonetes com escolta da Polícia Militar.

Desta forma, ainda na noite de ontem e nas primeiras horas de hoje, as cidades previstas para receber aeronaves com doses da vacina eram Barreiras, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Porto Seguro e Teixeira de Freitas. Além destas, estavam na rota Vitória da Conquista, com imunizantes que também atenderão ao município de Paulo Afonso, Lençóis (pouso) - com vacinas direcionadas a Seabra -, e Petrolina/PE (pouso) - com vacinas direcionadas a Juazeiro.

Segundo o Governo do Estado, metade das vacinas que correspondem à segunda dose, prevista para ser aplicada a partir de 14 dias, serão armazenadas na Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi), em Salvador. No local ficarão mais de 188 mil doses da Coronavac.

CONVOCAÇÃO

Também nesta segunda-feira, a Prefeitura de Salvador convocou 150 vacinadores para atuação contra o novo coronavírus na cidade. Os profissionais chamados estavam no cadastro de reserva do último Processo Seletivo Simplificado da Secretaria Municipal da Saúde (SMS). A contratação temporária será através do Regime Especial de Direito Administrativo (Reda). A expectativa da gestão é realizar a contratação temporária de outros 250 profissionais, totalizando 400 novos vacinadores para atuação na estratégia contra a Covid-19.

“A contratação desses profissionais estava prevista no Plano Municipal de Imunização apresentado pelo prefeito Bruno Reis e vai assegurar que o incremento necessário de pessoal para a vacinação ocorra de forma ágil na cidade. Na medida em que novas remessas de doses chegarem à cidade, outros vacinadores que compõem o cadastro de reserva do último Reda serão convocados”, explicou o secretário municipal de Saúde, Léo Prates.

Tribuna da Bahia, Salvador









About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga