» » Luciano Huck diz que é preciso tirar “um entulho do meio da sala" em referência a Bolsonaro

 A postura negacionista do presidente Jair Bolsonaro foi alvo de críticas, nesta segunda-feira (1), do apresentador e empresário Luciano Huck. Sem citar o nome do ocupante do Planalto, Huck disse que é preciso tirar "um entulho do meio da sala", ao tratar sobre a atuação de Bolsonaro diante da pandemia do coronavírus.

Potencial candidato à Presidência em 2022, Huck participou do painel virtual Davos Lab Brasil, iniciativa do Fórum Econômico Mundial, ao lado da ex-ministra Marina Silva (Rede) e da ex-deputada Manuela D’Ávila (PCdoB). 

De acordo com o Estadão, os três não pouparam o governo federal quando o assunto foi a falta de planejamento diante da Covid-19 e pediram a união da sociedade em defesa da democracia.

"O que a gente está vivendo hoje é um momento de muita incompetência, de falta de planejamento, o negacionismo que gerou mais de 250 mil mortes e a gente não vê, a curto prazo, a perspectiva de solução", destacou Huck.
 


About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga