» » Live encerra programação do Março da Igualdade 2021

Um mês de alusão à igualdade racial. Nesta perspectiva, a Prefeitura de Camaçari promoveu ações do Março da Igualdade 2021, com o tema “A cor e a voz da desigualdade da população negra”. A iniciativa possibilitou uma programação alusiva ao dia 21 de março, data em que se celebra o Dia Internacional da Luta Pela Eliminação da Discriminação Racial.

Ao todo, seis lives informativas debateram diversos temas, entre eles: Saúde da população negra; Intolerância religiosa; Violência contra mulher; Comunidades tradicionais, entre outros. Para encerrar a programação da campanha, acontece mais um evento on-line nesta quarta-feira (31/3), para abordar “O papel da sociedade civil na luta pela eliminação da discriminação racial”. A discussão será mediada pelo professor de História, especialista em Direito Público Municipal e ativista de direitos humanos, Edvaldo Júnior.

Quem não pôde assistir as lives anteriores, ou mesma a realizada na tarde desta quarta, pode acessar o perfil da Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes) no Instagram (Sedes Camaçari) para conferir.

Para José Anísio, coordenador da CIDCD, a proposta foi de “conscientizar as pessoas de que a luta é de todos e que é preciso buscar mecanismos para garantir que a lei se cumpra, e que essas desigualdades não afetem a população, a sociedade e os negros”, finalizou ao acrescentar que a participação do público foi ativa e a receptividade ao evento bastante positiva.

Rose Braga, gerente de Povos e Comunidades Tradicionais, explica que o projeto foi executado de forma virtual, em virtude da pandemia do novo coronavírus. “Para não deixar passar em branco uma data tão especial, e que marca a luta do povo negro contra a discriminação e a desigualdade, realizamos lives e abordamos vários temas para destacar esse dia tão importante, pois sabemos que essa luta ainda é desigual e que precisa avançar muito na sociedade”, explicou.

Durante as lives, o grupo homenageou Everaldo Vieira, líder da sociedade civil, e militante dos movimentos de negros realizados em Camaçari, que faleceu há um ano. Everaldo foi um marco da luta pela discriminação racial no município.

A ação foi desenvolvida pela Coordenadoria de Igualdade e Direitos de Combate à Discriminação (CIDCD), órgão vinculado à Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes).

Agência de Notícias
Coordenadoria de Jornalismo e Imprensa
Diretoria de Comunicação - Prefeitura de Camaçari

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga