» » Fernando Guerreiro lamenta falecimento do historiador e ex-presidente da FGM, Cid Teixeira

  Historiador morreu aos 97 anos.

                                                       Foto: Divulgação/ IGHB e Matheus Morais/bahia.ba

O presidente da Fundação Gregório de Mattos (FGM), Fernando Guerreiro, lamentou a morte do ex-presidente da instituição, Cid Teixeira, nesta terça-feira (21), aos 97 anos. Teixeira era historiador e um dos nomes mais respeitados da Bahia.

Para Guerreiro, o ex-presidente era um “grande professor, apaixonado pela nossa história e pelo nosso povo. Ele dedicou sua vida a entender e explicar para seus milhares de alunos e admiradores o nosso modo de ser e de viver. Através dele nos reconhecemos enquanto baianos, particulares e apaixonantes. Professor, siga em paz, sua contribuição é inesquecível, sua vida um exemplo. Palmas de pé”, disse.

Cid Teixeira era formado em Direito pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), mas nunca exerceu a profissão. Sempre gostou de história e era tido como um dos maiores conhecedores da Bahia de todos os tempos. Ele também e implantou o Serviço de Rádio Educação da Rádio Educativa da Bahia. É autor de diversos livros como “Bahia em Tempo de Província” (1986); “História do Petróleo na Bahia” (2001) e “Salvador: História Visual” (2001).Fonte:Bahia.ba

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga