» » » Casa da Criança e do Adolescente realiza atividade em alusão à Consciência Negra

ASCOM

Fazendo referência ao mês da Consciência Negra – celebrado em novembro – a culminância das atividades do Centro Integrado da Casa da Criança e do Adolescente de Camaçari, realizadas nesta sexta-feira (30/11), teve como base o tema “Eu me olho, eu me vejo. Essa cidade me pertence”. Na oportunidade, aconteceu exposição das atividades realizadas no período correspondente às oficinas de bateria, violão, ballet, teatro, canto e coral, flauta e percussão, além das mostras com exposição dos trabalhos de artesanato e artes visuais.
  
Para marcar o mês dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade, aconteceu ainda uma oficina de bonecas Abayomi – símbolo de resistência, que ficaram conhecidas com o termo que significa “Encontro precioso”, em Iorubá. As bonecas foram confeccionadas pelas mães e ou responsáveis pelos alunos, que também são atendidas no local. Apresentações musicais, mostra dos trabalhos dos educadores, recital de poesia, apresentação de dança, além de desfile com os alunos também abrilhantaram o momento.

De acordo com a coordenadora do Centro Integrado da Casa da Criança e do Adolescente, Francineide Santos, o espaço é um dos mais importantes equipamentos públicos de inclusão social de Camaçari. “A nossa intenção com essas atividades é o fortalecimento de vínculo, através da convivência com os jovens e seus responsáveis, além de trabalhar com eles os direitos humanos e fazer com que se sintam pertencente ao local onde vivem e como se enxergam no mundo”, destacou.
Uma das apresentações marcantes do dia foi a da oficina de balé, a qual Amanda Alves, 7 anos, é aluna. A menina estava feliz, mas a ansiedade também fazia parte do momento. Para a mãe da garota, Loane Cristina Nascimento, 33 anos, moradora do bairro Nova Vitória, ver o bom resultado da atividade desenvolvida pela filha é formidável. “Poder participar disso conta muito para o desenvolvimento dela enquanto pessoa”, ressaltou a dona de casa.
Loane Cristina Nascimento e a filha Amanda Alves - Foto: Tiago Pacheco
A culminância das atividades ocorreu no turno matutino e vespertino. No período da manhã, teve a participação especial do canto de Hip Hop L2, e à tarde, contou com a participação de Elly Nascimento.


O Centro Integrado da Casa da Criança e do Adolescente é administrado pela Prefeitura de Camaçari, por intermédio da Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes).

About Conexão Cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply