» » Suspeitos que fizeram mãe e filhas reféns no Areal se entregam à polícia; veja vídeo

Crédito da Foto: Maiane Nogueira/TV Aratu
Uma mulher e duas crianças feitas de reféns por homens armados no Largo do Areal, no Nordeste de Amaralina, no início da noite desta segunda-feira (8), foram liberadas após cerca de duas horas de negociação. Ninguém da família se feriu.
De acordo com informações preliminares, tudo começou no final da tarde, quando um grupo armado entrou em confronto com a polícia. No tiroteio, dois suspeitos teriam morrido e na fuga, os outros três invadiram a casa onde fizeram a família de refém.
Os criminosos exigiram a presença da imprensa para se entregar. O sequestro terminou por volta das 20h. Os três homens devem ser autuados em flagrante pelo crime.
VEJA VÍDEO:
ENTENDA
A situação começou quando agentes da Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT) Rondesp Atlântico realizavam incursões na localidade. Ao se depararem com os suspeitos, houve confronto e dois foram encontrados caídos no chão, segundo a Polícia Militar (PM). Eles foram socorridos para o HGE, mas não há mais informações sobre seus estados de saúde.
Ainda na fuga, outros três homens invadiram uma residência e solicitaram a presença da imprensa e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) para que pudessem se render.
Conforme a repórter Maiane Nogueira, o Bope demorou mais de uma hora fazendo buscas na casa e encontrou drogas, dois revólveres e duas pistolas.

About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga