» » Procuradoria da Câmara vai investigar Ratinho por ataque a deputada

 Apresentador sugeriu 'eliminar' e 'pegar uma metralhadora' contra Natália Bonavides.

                                                                                    Foto: Divulgação

Após Ratinho sugerir “pegar uma metralhadora” e “eliminar” a deputada federal Natália Bonavides (PT-RN) durante um programa de rádio, a Procuradoria Parlamentar da Câmara irá investigar o comunicador por supostos crimes de injúria e difamação.

De acordo com informações da coluna de Guilherme Amado, no portal Metrópoles, nesta quinta-feira (16) o apresentador retirou da internet o vídeo do programa “Turma do Ratinho”, transmitido na Rádio Massa FM, mas a Câmara dos Deputados guardou o material na íntegra.

Segundo a publicação, a Procuradoria atua quando deputados têm a honra atingida em virtude do mandato. Caso reúna indícios de que o comunicador tenha cometido os crimes em questão, ela pode acionar o Ministério Público.

As ofensas ocorreram porque a parlamentar apresentou um projeto de lei para atualizar o Código Civil e promover a inclusão da população LGBTQ+ no casamento. No PL, Natália pretende que os termos “marido e mulher” sejam substituídos por “declaro firmado o casamento”.

O apresentador acabou distorcendo a proposta e atacando a parlamentar. “Natália, você não tem o que fazer, minha filha? Vá lavar roupa, costura a calça do teu marido, a cueca dele… Isso é uma imbecilidade querer mudar esse tipo de coisa…”, disse o apresentador em um trecho do programa. “A gente tinha que eliminar esses loucos, não dá pra pegar uma metralhadora?”, acrescentou.

Fonte;bahia.ba


About www.conexao cidade

Saiba de tudo que acontece em Camaçari, na Bahia no Brasil e no Mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga